Fashion Rio: quarto dia!

Ontem foi o penúltimo dia de desfiles da temporada de outono-inverno 2012 do Fashion Rio. Confiram tudo o que rolou nas passarelas.


Walter Rodrigues: A inspiração vem do filme "A Fita Branca", com clima pesado e ar de repressão. Os tons são mais fechados. O primeiro look é um dos meus preferidos, pois traz uma imagem séria e ao mesmo tempo brinca com o guarda-roupa feminino e masculino, sem falar nessas blusas de tecido nobre com manga balonê e laço no  pescoço, tá na wishlist! A silhueta é definitivamente discreta e os looks vem com uma nostalgia camponesa. Aquele ar de inverno europeu e chique. Nos cabelos, vêm boinas e há produções em que elas são estampadas e bordadas com linho. Além disso, a estampa aparece no algodão, na seda e na lã. Pitadas de alfaiataria e bastante influência do guarda-roupa masculino.








Ágatha: O veludo voltou! Ele aparece com glitter num efeito bem metalizado. O pelerine aparece na coleção com capuz. Acabamento com metalizado; o pelo fake continua aparecendo também nesta coleção; couro fininho metalizado. A silhueta é soltinha e confortável. Calça cenoura e mais veludo. Cortes assimétricos, volume, muito brilho, tricô, cropped shirts, moletons com zíper e pelo. Tudo isso resume a coleção de outono inverno bem confortável e street, porém elegante, da Ágatha. Na paleta de sombras, tons de chumbo e tons terrosos.







Filhas da Gaia: Japonismo + África. A fusão deu o que falar, os looks foram interessantes, mas particularmente, esperava mais. Estampas de savana, coques orientais, quimonos que reinventados formam-se em terninhos. Silhueta comportada e decotes geométricos com modelagem em modelo-sereia, evasê e mullet. Tudo é longo e a sensualidade vem nos vestidos justos. A variação fica por conta das pantalonas com transparência e dos vestidos mais soltos. Tenho a impressão de que na tentativa de mostrar o melhor dos dois mundos, das duas culturas, ficou faltando um alvo e uma característica. A inspiração não foi bem impressa nos tecidos.





Printing: O artesanal vem belíssimo e hiper elaborado. A renda é criada a partir do gorgurão e rola um volume bem anos 80. Coleção fresca, jovem, artesanal. Os laranjas e terrosos são mega usados e os tecidos são nobres. Geometria, estampa, recortes, bordado e metalizado. Uma enorme variação nos grafismos e o contraste entre peças mais simples é mais elaboradas torna o look elegante e um pouquinho casual. Couro vazado sobre organza, mistura de texturas e padrões. Coleção realmente fascinante, cheia de elegância. 










6 comentários:

Rubia

Muito bom o post.
Gostei muito de algumas das idéias apresentadas, acho um charme alfaiataria.

Beijoos

Sonhos Pré-Concebidos

Oi fofa, amei o seu blog *-* então, fiz esse blog com minha amiga,ele é novinho , se der passa lá? bjks:*
www.sonhospreconcebidos.blogspot.com

carol

Adorei o blog! E amei o post sobre o FR ... Parabéns, muito bem escrito e editado =D

Ana Lúcia

Estou a adorar o Fashion Rio :) Tenho acompanhado a Ágatha principalmente e estou a adorar. Os padrões, tudo! <3<3

http://maniac4moda.blogspot.com/

Cátia Rodrigues

Gosto tanto das colecções :)

Sofia Carvalho

Esses assimetricos matam-me! Adoro.

Beijinhos